quarta-feira, outubro 04, 2006

Ajudem-me a entender

Fui-me interessando, desde á alguns anos, pelo futebol de formação, em especial pelo do FC PORTO, mas acompanhando, também o doutros clubes, das selecções nacionais e distritais do Porto.
Faço-o por gosto e não por dever de oficio.
Nestes anos, vi aparecer a internet, e vi-a passar a ser utilizada como grande meio de divulgação do futebol em geral, e da formação em particular.
Nos jornais desportivos, ou generalistas, raramente a formação tem lugar de destaque, ou até mesmo lugar, porque NÃO VENDE.
O mesmo se diga dos outros media, rádios e televisões, só quando aparecem os grandes êxitos é que são dadas breves noticias, a formação NÃO DÁ AUDIENCIAS.
Mas, e os CLUBES? porque não divulgam eles o que vão ajudando a crescer no dia a dia?
Porque investem tanto dinheiro, e não dão maior visibilidade ao trabalho que fazem?
Os "sites" oficiais, chamam a atenção para os treinos dos séniores ( matutinos e vespertinos), e ignoram os jogos da formação.
Exibem longas coleções de fotos das vedetas, nas mais variadas poses, e dos miúdos, quase nada.
Os resultados dos jogos da formação surgem tarde e a más horas, quando surgem, os planteis estão desactualizados, as convocatórias para as seleções são ás vezes destacadas, desde que não haja noticias "importantes" dos craques, do tipo "mialgia..., unha encravada..., foi fazer tranças..., ou abrir uma nova loja...".
Os clubes têm os "sites", têm o conhecimento priveligiado, têm o "Know how", têm todos os meios, se não fazem é por falta de VONTADE, ou DESINTERESSE.
Já a FPF, vem tendo uma prática diferente, dando destaque e noticiando as actividades das suas selecções com pormenor e no tempo certo- aos responsáveis os meus parabens.
Finalmente, entramos nós, os "blogers", gente que pelas mais variadas razões divulga o que os miúdos vão fazendo, e é tanto.
Há na "net" inúmeros "blogs" que dão á formação o lugar e o destaque que merece, não os nomeio para não cometer injustiças, mas todos sabemos quais são e onde estão.
Das "escolinhas" aos juniores, os jovens atletas dão o melhor pelos seus clubes.
Os clubes devem valorizar esse esforço, esses resultados, essa dedicação, dando publicamente conta do trabalho que eles desenvolvem, dando-lhes visibilidade, mostrando-lhes os rostos, apresentando-os como exemplo.
O mesmo se diga de técnicos, dirigentes e demais "staff", que contribui para que o futebol de formação exista.
Os atletas formados nos clubes, são importantes activos financeiros, podem representar o encaixe de importantes quantias, permitir o saneamento das finanças dos clubes, porque não valoriza-los?
Fica a pergunta, a incredulidade, a admiração pelos "putos" e por quem trabalha com eles, e os mais sinceros votos para que lhes dêem o valor que merecem, que os apoiem e ajudem a evoluir.
Espero as vossas opiniões e contributos.

7 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Até que enfim Madger, um post de jeito...Os meus parabéns

4:00 da tarde  
Anonymous Drago said...

Aos média não interessa...porque eles ACHAM que não vende...
Quantas pessoas lêem com interesse as (raras) reportagens que eles fazem quando um júnior é promovido...ou faz um joguito de pré-época. Aquelas reportagens em que desfiam detalhes curiosos, o percurso percorrido, a opinião de colegas/treinadores...
Realmente acham que não vende? Quantas pessoas compram o JN de propósito só pq lá vem as equipas e algumas mini reportagens sobre os jogos?

Quanto à televisão: o que acham que teria mais audiência na Sporttv? O tour feminino de golf (o que está a dar agora!)...ou o hipismo na Sporttv2...ou se calhar os jogos de futebol do torneio da lusofonia (S-20) em Macau (por acaso, terá o FCP algum olheiro lá? Espero que sim!)? Eu não tenho dúvidas!
Já ninguém se lembra dos sucessos televisivos que foram as transmissões dos jogos entre as equipas B do SCP e SLB?
E se a FPF assinasse um protocolo com uma qualquer canal (embora ache que o RTP2/RTPN ou Sporttv seriam os mais interessados e indicados...) para a transmissão dos jogos das suas selecções jovens (S-20 inclusivé para baixo) em Portugal. Partilhavam o lucro da publicidade (estática e televisiva)...sendo que a FPF cedia gratuitamente os direitos de transmissão e o canal entrava com o material/pessoal. Não teria mais sucesso que o Desporto2 ou outra treta do género?

Quanto aos clubes, e por aquilo que tive contacto, convém manter os associados na ignorância. Assim, lá se “espeta” à malta os Alans, Ezequias, Léo Limas e afins…que dão a ganhar muito dinheiro e a pouca gente. Acham que alguma massa associativa bem esclarecida e conhecedora dos seus “meninos” aceitava um Alan quando podia ter um Bruno Gama, ou um Barbosa, ou um Monteiro?
Por alguma razão os clubes estão no estado financeiro ruinoso. Não interessa o que o clube produz…interessa é comprar o jogador que o agente X tem para “oferecer”.

Sou, tal como tu, um entusiasta do futebol jovem. Acho que é aquilo que mais gosto neste desporto/paixão. Já conheço algum deste mundo por dentro…e não é tão bonito como deveria ser.
Ainda assim, o bichinho rói cá por dentro. E espero um dia voltar a experimentar essas emoções. E conto que esta nova geração de portistas (digamos que mais “civilizados”) dê a volta ao clube que está a precisar.
São pessoas como tu (Madger) ou como o Drakonyaz..ou o Morphy que fazem falta…

5:20 da tarde  
Blogger madger said...

No meu 1º post, defini- digamos pomposamente - a linha editorial do blog: Formação do FC PORTO e formação em geral, e é sobre isso que tenho escrito.
Para além dos miudos no campo e fora dele, das alegrias que nos dão, são comentários como o teu, Drago que fazem com que isto valha a pena.
Pensar o futebol, não nos limitarmos a comer tudo o que nos servem e como nos servem.
O futebol profissional põe-me, a maioria das vezes, a dormir no sofá.
O futebol dos miúdos, entusiasma-me. Gosto do amor que põem no jogo, da paixão com que se entregam, e das ilusões bonitas, dos sonhos que perseguem.
Tento apoia-los como posso, dando conta dos seus êxitos, e porque não também dos seus fracassos, porque sempre se esforçam, lutam por aquilo de que gostam, não são mercenários.
Obrigado, Drago por teres partilhado connosco a tua opinião.

5:38 da tarde  
Blogger Drakonyaz said...

Vamos por partes:

- A Imprensa - porque não dão o merecido destaque? há muito tempo que os jornais deixaram de ter como principal objectivo informar, para eles é tudo uma questão de lucro, nem que seja com noticias acerca dos penteados ou botas das vedetas, as camadas jovens só merecem destaque quando vencem alguma competição.

- Os clubes - uma vez em jeito de brincadeira meio a sério disse que a maioria dos clubes só têm camadas jovens porque é obrigatorio por lei para participarem nos nacionais, também existem aqueles clubes que as têm para justificarem os subsidios que recebem do estado.
Não existe aposta séria nos jovens pois existe o problema dos empresarios mais as respectivas comissões.

- Os sites dos clubes- francamente o do FC PORTO para meu desgosto é dos piores, vide o exemplo de como foi colocado o plantel dos juniores, com jogadores repetidos e por mais incrivel que pareça, com um jogador senior que até jé nem faz parte do clube.
Custava muito tirarem uma foto a cada jogador e colocar no site juntamente com a data, local de nascimento e trajectoria futebolistica?
Não existe qualquer preocupação pelos socios, a unica coisa que está bem detalhada é a venda de bilhetes e loja ou seja aquilo que dá dinheiro.

- Site da FPF - Costumo passar por lá semanalmente e acho-o razoável, apenas acho que seria uma optima ideia criarem uma base de dados com todas as convocatorias, jogos e jogadores que representaram a selecção ao longo dos tempos.

- Blogues de formação - Costumo andar por todos aqueles que conheço, apesar de apenas comentar neste e no Esperança Portista.
São sem duvida locais de extrema importancia para que gosta da formação, substituindo sites oficiais horriveis.

- Atletas - o mais importante do futebol, e digo-o por expriencia propria, pois comecei a jogar futebol aos 9 anos, e apesar de ter jogado até aos 30 anos, o tempo das camadas jovens foram decididamente os melhores anos futebolisticos.

Termino, pedindo desculpa pelo tamanho do post e agradecendo tanto ao Madger como ao Morphy o excelente trabalho.

E Drago, obrigado pela menção, mas a verdade é que todos nós somos importantes na mudança de mentalidade de uma sociedade cega pela ganância e egoismo.

FORÇA FC PORTO!!!

10:15 da tarde  
Anonymous strike said...

madgera minha opnião sobre o tema do teu post está na maior parte em sintonia contigo.tambem eu acho uma vergonha o que os jornais NÃO escrevem sobre a formação dos clubes e seleções.eu compro todos os dias o jornal desportivo e as noticias são sempre a mesma coisa.até a ida dum crack ou suposto ás compras vem sempre mas se algum escalão de formação se destaque em algum jogo no fim de semana NADA pois os jornalistas vão todos para os jogos dos seniores aos magotes são 4 5 6 a fazer a cobertura do mesmo jogo.
o ano passado a RTP teve a feliz ideia de transmitir pela televisão(rtp2)o torneio da pontinha e de certeza absluta que teve bastante audiencia!!! alguém da rtp se deu ao trabalho de fazer uma sondagem das audi~encias que tiveram? se calhar viam que dava audiencia suficiente para aos domingos de manhã transmitirem 1 joginho de escalões de formação.
á melhores jogos nos iniciados juvenis ou juniores que em muitos jogos da nossa liga bwim ou honra.
então alguns são um atentado a quem como eu tem a sportv.
quanto aos sites oficiais nem vale a pena falar só os cracks merecem destaque pois os "putos" querem muito dinheiro por mês de ordenado e já têm destaque de sobra nos jornais.!!!
eu acompanho o futebol de formação com o meu filho á 6 anos e digo aki em coimbra o diário de coimbra ainda dá algum destaque á formação coninbricense com reportagens de vários jogos,o que diga-se de passagem é um estimulo muito grande para os "putos" que treinam 3 4 vezes por semana com amor ao clube com gosto pelo futebol onde a moda agora é pagar para os nossos filhos jogarem.
já me alongei continua madger esta luta háde nos levar a algum lado!!!!!1
FORÇA FORMAÇÃO.........

10:38 da tarde  
Anonymous Jose Costa said...

Estou inteiramente de acordo!

E acho que é vergonhoso que os sites dos 3 grandes terem informação sobre as equipa de formação de uma forma escassa e muito desactualizada.

Aos 3 pasquins desportivos até se pode aceitar pq NAO VENDE.

Ás TVs provadas tambem porque o interessa é felôdabelas e essas treras.

Agora aos canais de Tv publica, pago com o dinheiro dos meus impostos é inaceitavel. Ester ano até interromnperam a final do torneio da pontinha para dar um amigavel de basket...

2:22 da tarde  
Blogger madger said...

Drakonyaz , strike e José Costa, é para mim um privilégio que vocês se dêem ao trabalho de comentar o meu "post".
Se para além de o comentarem ainda contribuem, da forma como o fazem, com opiniões construtivas, apontando caminhos,que valorizem o que realmente tem valor - OS JOGADORES - são eles que nos movem, sem eles não haveria jogo.
Será assim tão difil perceber que eles são a razão de ser do futebol de formação.
Os "sites" oficiais, nomeadamente o do FC PORTO, deverão, no futuro dar aos miúdos o lugar que lhes pertence, com o devido destaque.
Os vossos posts nunca são grandes no tamanho, pois lê-los é um prazer, são grandes, enormes no que dizem, no conteúdo.
Obrigado a todos vocês por pensarem o futebil jovem, e nos deixarem conhecer o que pensam.
Voltem sempre.

6:11 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home